5 de fev de 2009

La siesta chinesa

Quem não gosta de uma sonequinha? Sabe aquela preguicinha que bate depois do almoço? Seria perfeito poder tirar uma pestaninha quando bate aquela sonolência, não? Por essas bandas o povo adora. Algumas empresas têm horário de almoço estendido para que a chinesada possa tirar a "siesta" e voltar renovada para o trabalho.

Por aqui nem a cama é necessária, na maioria dos casos. Qualquer lugar que dê para escorar a cabeça, tá valendo. Caminhando nas ruas menos movimentadas e em cidades menores, é possível ver gente dormindo em bancos, escorado em árvores e, até mesmo, em cima das bicicletas. Mesmo em Beijing, Shanghai e outras grandes cidades, as cenas são bem recorrentes. Algumas sonecas são verdadeiros shows de contorcionismo!

De tanto achar isso curioso, Bern, um alemão que trabalha em uma multinacional em Shanghai desde 2003, começou a registrar alguns destes momentos. O resultado é o site www.sleepingchinese.com, onde ele postou mais de 700 fotos que registram estas horas sonolentas e inusitadas da vida chinesa.

E o pior é que é curioso mesmo. O povo não se aperta! Não tenho um site só para registrar isso, mas na estação de trem em Harbin, quando esperava o transporte para voltar a Beijing, eu não resisti quando vi esse cara. Ele devia ter muito tempo sobrando para esperar para o sono pegar dessa maneira. E claro, descuidar da mala, nem pensar! O jeito que ele encontrou para dormir foi esse... Conheço pelo menos umas dez pessoas que teriam inveja da facilidade desse chinês para tirar um cochilo!




Nenhum comentário:

Postar um comentário