14 de out de 2009

A paradinha inha inha

Perdi muito da vontade de falar sobre a parada militar do dia 1 de outubro e a grande celebração dos 60 anos da China. Até comecei dois textos, mas não terminei nenhum. Guardei várias coisas para mostrar e acabei não postando nada. Putz, fica tão feio quando a gente publica por email... Um deles talvez ainda venha a aparecer por este blog, quem sabe? Falando sério: achei um pé no saco. Todo o trânsito trancado, ter que desviar todo o meu caminho pra vir trabalhar e ainda ter o acesso barrado em algumas esquinas (fora toda a mão que foi durante os ensaios) pra ver o Hu Jintao gritando "tongzhimen hao" parecendo um boneco congelado com aquele cabelinho playmobil: Ai, me poupe. 

Reza a lenda que os privilegiados foram aqueles que assistiram a tudo de casa, já que de lá mesmo só havia o calor, o colorido e nenhuma manifestação popular. Ainda mais: no dia do discurso mais importante do presidente da China desde que ele assumiu, o sistema de som falhou na praça. Claro, isso não foi mostrado na CCTV (televisão estatal). Momento destaque só para a cara de tarado bobão do presidente quando os batalhões femininos passaram de pernocas de fora. Se ele já estava daquele jeito por alguns centímetros de pernas a mostra, imagina como não vai ficar quando estiver no Rio em 2016, hein?

Tudo bem, teve lá seus momentos bonitos. Por isso mesmo que tou passando pra vocês (cliquem mesmo, não se acanhem), o link da imagem em 360 graus que a Xinhua, agência oficial do governo, disponibilizou. Isso sim, bem legal. Até porque eles foram os únicos a poder fotografar de janelas, já que o resto tava lacrado. Mimimis à parte, tá muito legal mesmo e se vê muito além da parada:

Tudo bem que eu falei que dizem que foi melhor assistir pela tevê. Mas garanto que melhor ainda é assistir esse vídeo aqui de Dan Chung, que usa e abusa do slowmotion e "timelapse", com um efeito bacaníssimo (não tem como não achar legal). Não faz fita e clica lá:

E quem tiver tempo pode dar uma conferidinha nos links abaixo e ver o que se passou por aqui.
 
O jornal China Daily, publicação diária em inglês, traz uma série de vídeos e slides interessantes sobre a data

A parada militar de 1949:

A Data Nacional, em 1950:

Os "gloriosos" 60 anos:

A revista às tropas em 2009:

O início da cerimônia:

The Big Picture - melhor blog de fotos, na minha humilde opinião

Mais fotos no site da Xinhua, agência de notícias do governo chinês:

Tres decadas de tanques em Tian'anmen: 1989, 1999 e 2009

A foto que ilustra o post é da primeira parada militar, dia 01 de outubro de 1949, quando durava mais tempo e a inspeção das tropas era feita por Mao Zedong, que desfilava em jeep "aberto"

Nenhum comentário:

Postar um comentário